Como usar uma bússola magnética

Cadastre-se e receba as novas postagens por E-mail:

2000 usuários cadastrados

Hoje iremos aprender a usar uma bússola magnética. Como foi dito em outras postagens, existem diversos tipos de bússolas, a mais usada para o apontamento de antenas é a bússola magnética. Entre as bússola magnéticas existem diversas denominações, as mais conhecidas e mais usadas para apontar antenas são: bússola militar e bússola cartográfica (geográfica).
Faço uma ressalva, pois estes dois tipos de bússolas possuem características para cada denominação que elas recebem, isso não indica que ela seja realmente determinada bússola. Ex: bússola militar, as que nós compramos geralmente possuem características de uma bússola militar, não indicando que ela seja uma bússola militar profissional.
Para maiores conhecimentos recomendo a leitura das seguintes postagens:

Como usar bússola militar para apontar uma antena?

A bússola com características militares, se diferencia pelo fato de ter a fenda de pontaria e a linha de pontaria para verificação do azimute. Outro ponto que destaco é que esta possui o limbo fixo na agulha, que trás uma a vantagem de ser mais simples para fazer a leitura do azimute.
Para usá-la, localize os dados para apontamento em sites pela internet, esses sites oferecem em sua maioria 2 dados, mas existem casos raros que oferecem mais dados para sua bússola, os dados mais importantes são o azimute magnético e azimute verdadeiro (geográfico).
Com os dados em mãos, vamos utilizar apenas o azimute magnético, pois o verdadeiro são usados em casos mais específicos. 
Apontamento antena com a bússola militar
  1. Fique atrás da antena, mantendo a bússola plana na horizontal.
  2. Deixe a bússola distante de materiais ferrosos, entre outros, pois pode retornar dados equivocados.
  3. Coloque o dedo na argola para o polegar.
  4. Verifique para onde a bússola aponta o azimute magnético (ex: 300º), mas você deseja apontar para 200º, então olhe onde fica esse valor no limbo e gire a antena para ele.
  5. Após girar a antena, mire a fenda de pontaria junto com a linha de pontaria para a bengala do LNBF; e verifique no ocular quantos graus esta mostrando. Se o valor for o mesmo que o azimute magnético, prossiga seu apontamento com o inclinômetro.

Como usar bússola cartográfica (geográfica) para apontar uma antena?

Para apontarmos uma antena, podemos usar a bússola cartográfica (geográfica). O que melhor distingue ela da bússola militar, é o fato dela ser indicada para ser usada em mapas cartográficos, pois possui características específicas para isso; e possuí o seu limbo móvel.
Para apontarmos em uma antena faça os seguintes passos:
  1. Fique atrás da antena, mantendo a bússola plana na horizontal.
  2. Deixe a bússola distante de materiais ferrosos, entre outros, pois pode retornar dados equivocados.
  3. Faça a primeira busca, quando encontrar o norte magnético, gire o limbo deixando em 0º e direciona a antena para os graus que lhe é fornecido por sites de cálculo de antenas, usando os dados do azimute magnético.
  4. Após girar a antena, faça uma nova busca com a bússola, deixando a seta de direção voltada para o LNBF da antena (meio exato).
  5. Gire o limbo colocando o norte na ponta vermelha da agulha magnética e acerte a antena até que a linha de direção fique na mesma posição do meio do LNBF por trás da antena.
Dás maneiras que foram explicadas acima, facilmente você irá conseguir apontar suas antenas, pois basta pegar o azimute magnético e apontar sua antena para o local que a bússola informa. 
Veja o exemplo abaixo na busca de um satélite que tenha o azimute magnético de 300º.
Azimute magnético para apontar antenas

Deixe uma resposta