Configurar o receptor para apontar antenas

Em nossas últimas postagens falamos a respeito do uso do receptor como localizador de satélites. Nesta postagem iremos mostrar as configurações que devemos fazer nos receptores para apontar antenas.

Como já mostrado, existem receptores analógicos e digitais, cada qual possui suas especificidades. Por isso devemos lembrar que existem diversas configurações diferentes, de acordo com a marca e modelo, o que iremos fazer aqui, é mostrar as principais configurações que devem ser feitas, mas onde elas se encontram em cada receptor fica a cargo do seu conhecimento e pesquisa na internet.

Configurar o receptor para apontar antenas

Para configurarmos um receptor para apontar antenas, devemos levar em consideração a marca e o modelo do receptor, pois todos são diferentes, possuindo configurações diferentes.
Como explicado em nossa última postagem, receptores apenas analógicos poderão ser usados apenas no satélite STAR ONE C2 (70ºW), já receptores digitais (DVB-S e DVB-S2) poderão ser usados em quase todos os satélites.
Para iniciar as configurações, busque no receptor ou controle um botão chamado MENU ou Configurações (Settings), ou algo semelhante.

Configurando o receptor digital para apontar antenas

Para usarmos um receptor digital no apontamento de antenas, devemos levar em consideração os padrões que ele suporta. Em nosso caso, escolha receptores que use pelo menos o padrão DVB-S, pois este se encontra em quase todos os satélites.
Após deixar o receptor conectado a antena e a TV, devemos configurar algumas opções:
1º – Tipos de banda
Devemos verificar se o satélite que desejamos apontar é banda C ou banda KU.
2º – Oscilador local
Devemos verificar em nosso LNBF o oscilador local, este vai depender se o LNBF é banda C ou banda Ku. Geralmente Banda C multiponto (5150 e 5750), banda C monoponto (5150) e Banda Ku (9750 e 10600).
3º – Transponder
Nosso terceiro ponto será adicionar os TPs. Dê preferência os TPs fortes, estes podem ser encontradas nos sites citados nesta postagem:
As configurações dos TPs são: frequência, polarização (V,H, L e R), SR (Symbol rates) e FEC (opcional)
Configurar Receptor digital
Configurar receptor digital.
Após adicionar os TPs, basta ir no local onde tem a barra de força e qualidade e tentar realizar o apontamento da sua antena. Caso tenha movido a antena de lugar, pode selecionar o canal e tentar verificar pela barra que aparece na parte de informações.
Como dito acima, todos estes passos são gerais, cada receptor possui uma maneira especifica para configurar estes.

Configurando o receptor analógico para apontar antenas

Os receptores apenas analógicos possuem algumas diferenças, estes só funcionam em banda C e no satélite Star One C2.
1º – Frequência
Adicione a frequência que pode ser encontrada nos sites desta postagem:
De preferência aos canais como Globo e SBT, que tendem ter um sinal forte. Escolha a frequência denominada banda L (Globo banda L: 1430 Horizontal).
2º – Polarização
Escolha a polarização, esta pode ser encontrada na lista de sites citadas acima. Os dados são H de horizonta e V de vertical.
Configurar Receptor analógico
Configurar receptor analógico.
Feito a adição do canal, basta fazer o apontamento, lembrando que os receptores tendem não mostrar a barra de força, então você terá que ir de acordo com os chuviscos dos canais.

Conclusão

Podemos concluir, que é fácil configurar os receptores tanto analógicos quanto digitais, mas cada marca e modelo possui configurações específicas. E o que foi detalhado aqui, mostra que no geral, essas são as principais configurações que devemos realizar.

Deixe uma resposta