Improvisar decapador de cabo coaxial

Todos sabemos que é imprescindível a utilização de um decapador de cabos coaxiais, mas também sabemos que dependendo da situação não se faz necessário que este decapador seja um material próprio para determinada situação.

Ou seja, se sou um antenista, tenho que ter este material, pois facilita o trabalho. Mas se eu não for um antenista, não existem motivos para ter um decapador ou Cable Stripper, pois é um material que pode elevar os custos do que eu pretende realizar.
Assim, existem diversas maneiras de improvisar este tipo de material, pois precisamos apenas de algo que possua lâmina. Um exemplo seria um estilete, uma faca, um facão, entre outros.
Estilete
Estilete.
O improviso no apontamento de antenas é recorrente. Sempre usamos materiais diversos para substituir o uso de material específico para a área. Este tipo de material, muitas vezes encontramos em nossa própria casa e em alguns casos podem ser melhores do que materiais desenvolvidos para  a própria aplicação.
Um exemplo, é o uso de estiletes e facas para decapar cabos coaxiais. Muitos antenistas preferem usar este tipo de material, do que produtos feitos para este tipo de uso. Mesmo não sendo antenista, eu prefiro o uso de um decapador, pois consigo realizar essa tarefa em alguns segundos. Já com o uso de uma faca ou estilete, demoraria um tempo maior, mas isso vai de acordo com a prática.
Como eu disse na primeira postagem a respeito, eu não vejo como uma má prática, mas tenho outra visão para os antenistas que usam este tipo de material.

Improvisar decapador de cabo coaxial

O uso de estiletes ou facas é muito semelhante ao uso do decapador. pois devemos seguir os mesmos cortes. Estes cortes dependem dos tipos de conectores, mas como de uma forma geral usamos “conectores de compressão” ou “de rosca”, segue o passo a passo.
O primeiro ponto que devemos destacar são as características básicas de um cabo coaxial.
Características de um cabo coaxial
Características de um cabo coaxial.
A ideia é deixar em torno de 9mm para o condutor central, tentado não danificá-lo. E em sequência remover 6mm da capa, que é a primeira composição de um cabo coaxial. Como é difícil cortar a blindagem (malha) com o estilete ou faca, muitos usam uma tesoura para realizar este procedimento.
Cortes com o decapador
Cortes com o decapador.
O segundo corte não deve danificar a segunda blindagem (malha), pois ela é imprescindível para o bom funcionamento do sistema.
Puxar a malha para baixo
Puxar a malha para baixo.

Puxe a malha para baixo de maneira uniforme, não deixando nenhum fio para cima.

Crimpar o conector
Crimpar o conector.

Basta colocar o conector e alinhar o dielétrico com a base do mesmo.

Conector crimpado
Conector crimpado.

E por último crimpe o conector com um alicate de compressão.
Nos casos de “conectores com argola”, basta realizar o segundo corte, e realizar o encaixe do conetor F para o determinado cabo.

Conclusão

Podemos concluir que o uso de estiletes e facas para decapar cabos coaxiais é possível. Mas são materiais que podem demandar uma maior dificuldade no processo de instalação, além de alguns riscos por conta do manuseio incorreto.

Deixe uma resposta